2014 Ano chave para a PNRS

2014 Ano chave para a PNRS

Como sabemos neste ano de 2014  começa a entrar em vigor a   Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) LEI no. 12.305/10 que obriga fabricantes, importadores e distribuidores a recolher e descartar corretamente o lixo produzido em diversas etapas: no desenvolvimento do produto, na obtenção de matérias-primas e insumos, na produção, no consumo e na disposição final. Excetuando-se as Micro empresas, para todas as demais, o plano de logística reversa é obrigatório e, passível de fiscalização por parte dos municípios.

Logística Reversa

Está regulamentada na PNRS com as regulamentações, que exigem o tratamento de alguns produtos após seu uso (como as embalagens de agrotóxicos, pilhas, lâmpadas ou baterias de celulares); na outra ponta, a possibilidade de agregar valor ao que seria lixo. Reaproveitamento de produtos e materiais após seu uso, amenizando os prejuízos causados ao meio-ambiente ou sua correta destinação são parte integrante da logística reversa. Em andamento para regulamentação os demais produtos ainda não definidos, cujas discussões devem avançar pelo ano nas GTAs de Logística Reversa. Veja mais aqui no site.

Gerenciamento Total de Resíduos e Destinação Final

Um conjunto articulado de ações normativas, operacionais, financeiras e de planejamento, baseadas em critérios ambientais, sanitários e econômicos para identificar, classificar, quantificar, segregar, acondicionar, armazenar, transportar os resíduos.

Fechando o ciclo da gestão é feita a análise da destinação final, alguns resíduos devem ser encaminhados para tratamento, outros para reciclagem e manufatura reversa, e os demais para a incineração. 

Facebook Comments

0 Comments

Leave A Reply

You must be logged in to post a comment.