A importância da rastreabilidade em supply chain

  • Guia de Rasteabilidade
  • 02 – DEBRET – Jean Baptiste  Negros carregadores 2

A rastreabilidade em supply chain é a capacidade de identificar e traçar a história de produção, distribuição, de localização e aplicação de produtos, peças e materiais, para garantir a confiabilidade das reivindicações de sustentabilidade, nas áreas de direitos humanos, trabalho (incluindo saúde e segurança), o meio ambiente e combate à corrupção.

—Nada mais é que o processo de identificação e rastreamento de um produto do “berço ao túmulo” e que deve ser um esforço constante e colaborativo das partes interessadas na política de compras sustentáveis.

—Além disso é uma ferramenta útil para obter e transmitir informações sobre os componentes de produtos, peças e materiais, bem como a sua transformação ao longo da cadeia de valor.

Ajuda muito na verificação das  reivindicações de sustentabilidade sobre mercadorias e produtos, ajudando a garantir boas práticas e respeito às pessoas e ao meio ambiente nas cadeias de abastecimento.

—Apesar disso ela não substitui a diligência ou a responsabilidade das empresas de respeitar os direitos humanos. A cada dia nos surprendemos com ações do Ministério Público no combate à mão de obra semelhante à escravidão e um comprador responsável não pode submeter a sua empresa em risco.

Para isso a empresa deve envolver os funcionários e fornecedores para promover práticas internas e processos para identificar produtos básicos e mapear sua cadeia de fornecimento, devendo entender as questões de sustentabilidade relevantes a essas mercadorias e identificar se a rastreabilidade é a melhor maneira de mitigar esses riscos.

—

—Recentemente a Global Compact das Nações Unidas lançou o Guia de Rastreabilidade em supply chain com sete passos a serem seguidos:

7 passos da rastreabilidade

1-Identificar as mercadorias

2-Compreender as questões de sustentabilidade

3-Desenvolver o business case

4-Identificar a rastreabilidade

    Havendo: agir de acordo

    Não havendo:iniciar o processo

5-Envolvimento interno

6-Compromisso com fornecedores

7-Manter vigilância

Guia de Rasteabilidade

Facebook Comments